top of page

Você tem dormido bem? Entenda a importância do sono.

O sono humano é dividido em duas grandes fases: o sono não-REM e o sono REM. A denominação tem origem na língua inglesa, sendo definida pela presença ou ausência de movimentos rápidos dos olhos durante o sono.


Mulher dormindo

Sono não-REM e sono REM:


O sono não-REM se compõe de três estágios, indo do superficial ao mais profundo, indicando um aumento gradual no tempo para despertar com a evolução dos estágios durante a noite.

Os estágios do sono não-REM envolvem uma progressão do estado de vigília para um sono mais profundo:


  • Estágio 1: Início da transição para o sono, marcado por um estado leve, com diminuição dos batimentos cardíacos, respiração e relaxamento muscular.

  • Estágio 2: Fase intermediária antes do sono profundo, caracterizada pela diminuição da temperatura corporal, cessação dos movimentos oculares e breves surtos de atividade cerebral.

  • Estágio 3: Sono profundo crucial para o descanso, onde os batimentos cardíacos, respiração e atividade muscular estão no máximo relaxamento, sendo menos suscetíveis a despertares por estímulos externos. Essa fase é essencial para a secreção hormonal, criatividade e imunidade do corpo.


Já o sono REM é um estágio profundo caracterizado pela paralisia temporária dos músculos e pelos movimentos oculares rápidos associados à atividade mental durante os sonhos.


Tabela REM

A duração das fases de sono


Veja a seguir, a duração média esperada para cada tipo de sono:


Durante o sono, o corpo realiza funções restauradoras essenciais, como reparo de tecidos, crescimento muscular, síntese de proteínas e descanso cerebral. É um momento crucial para o descanso do sistema respiratório, cardiovascular e do sistema nervoso central.


Importância do Sono para a Saúde:


O sono é fundamental para a eliminação de toxinas que se acumulam no cérebro ao longo do dia, além de contribuir para a consolidação da memória e o equilíbrio hormonal.

A longo prazo, a privação de sono aumenta o risco de obesidade, doenças cardiovasculares, AVC e depressão, e está associada a distúrbios de ansiedade.


Influências externas nos Ciclos de Sono:


O número e a duração dos ciclos de sono são variáveis e dependem de uma ampla gama de fatores, como idade, hábitos alimentares e de consumo, ansiedade, presença de dor, hábitos recentes de sono e distúrbios do sono. Vamos entender como alguns desses fatores impactam o sono:

  • Idade

Os padrões de sono variam consideravelmente ao longo da vida.

Em recém-nascidos, o sono REM é predominante logo após adormecer, ocupando cerca de metade do tempo de sono.À medida que as crianças crescem, seus padrões de sono se assemelham mais aos dos adultos, atingindo um padrão semelhante por volta dos 5 anos.

Com o envelhecimento, observa-se uma diminuição no tempo total de sono REM em idosos.

  • Luminosidade

A exposição à luz durante a noite influencia nosso relógio biológico por meio de células sensíveis à luz em nossos olhos, indicando ao cérebro se é dia ou noite.

A presença de luz durante a noite pode adiar o sono e afetar a qualidade do descanso. A exposição à luz repentina, como acender a luz no quarto, pode resultar em dificuldade para voltar a dormir.

  • Distúrbios do Sono

Insônia (pode ser de curto prazo ou crônica)

Apneia obstrutiva do sono (acontece quando há interrupções na respiração durante o sono, podendo causar roncos também) - Terapias como o uso de CPAP, por exemplo, são utilizadas para prevenir o fechamento da passagem de ar durante o sono.

Sono excessivo

Sonambulismo

Bruxismo (ranger ou pressionar os dentes durante o sono)

Síndrome das pernas inquietas

Narcolepsia (distúrbio crônico em que a pessoa tem ataques repentinos de sono e dorme em qualquer lugar e em qualquer situação)


Paralisia do sono


A insônia é o distúrbio mais comum entre os brasileiros. Conforme estudo publicado pela Associação Brasileira do Sono (ABS), 73 milhões de pessoas no Brasil sofrem com essa condição.


Consumo de Álcool


O consumo de álcool antes de dormir pode reduzir a fase REM do início da noite, afetando o padrão do sono. À medida que os efeitos do álcool diminuem, o sono tende a retornar ao normal.


As diferentes fases do sono e os sonhos


Os sonhos podem aparecer em todas as partes do sono, ocupando cerca de duas horas da sua noite de sono. Mas eles são mais frequentes, claros e intensos no estágio do sono chamado REM.

Mesmo que você não lembre, é normal sonhar sempre que dorme. Todas as pessoas têm sonhos todas as noites. Embora alguns pareçam durar muito tempo, na verdade duram só alguns minutos.

É interessante que algumas pessoas têm sonhos coloridos, enquanto outras lembram apenas de sonhos em preto e branco.


Duração do Sono Adequada:


Recomenda-se cerca de 7 a 8 horas de sono para adultos, porém as necessidades variam entre os indivíduos.

A distribuição dos estágios do sono ao longo da vida varia, desde bebês que dormem até 18 horas a adultos que precisam de 6 horas de sono.


Refletir sobre a importância do sono nos leva a compreender a dimensão vital que cada noite bem dormida possui em nossas vidas. Mais do que um período de descanso, o sono é o alicerce sobre o qual construímos nossa saúde física, mental e emocional.





Comments


Commenting has been turned off.

Notícias mais vistas

bottom of page